segunda-feira, janeiro 28, 2013

A tragédia da tragédia de Santa Maria

Acho que todo mundo que é um pouquinho mais informado ficou sabendo da tragédia que aconteceu na boate Kiss nesse final de semana, em Santa Maria. A boate pegou fogo por conta de um show pirotécnico e matou mais de 230 jovens que estavam lá dentro e que não conseguiram sair por vários motivos, entre eles a única saída de emergência da casa não dava vazão, a super lotação e a segurança da casa não deixando as pessoas saírem sem antes pagarem a comanda. Tragédia total! Mais de 230 jovens, cheios de futuro pela frente tiveram suas vidas ceifadas por um monte de irresponsabilidades (da banda, do dono da boate, dos seguranças, da prefeitura, da fiscalização...)!

Eu fiquei especialmente abalada porque no sábado a noite eu também estava numa boate. Ok, no Rio de Janeiro, nada a ver com Santa Maria ou com o Rio Grande do Sul. Mas não importa, porque, pelo menos aqui no Brasil, irresponsabilidade não é única e exclusivamente de uma determinada região do país, acontece tanto na Zona Sul do Rio de Janeiro, quanto no Sertão Nordestino ou numa cidadezinha do Sul do Brasil.
Acordei com essa notícia na TV, fiquei bastante horrorizada, mexeu comigo e mexeu com todo mundo.

Só que nada me assusta mais do que a tragédia da tragédia...
Pelo Facebook vi uma charge que teoricamente pertencia ao Chico Caruso e que teria sido publicada na CAPA do Jornal O Globo de hoje.

Veja com seus próprios olhos (lembrando que peguei essa imagem do Facebook):

Eu fui conferir, né? Porque sabe como é... Facebook tem muita montagem, reportagens que parecem sérias e tem a fonte do Sensacionalista, hoax, etc...

E juro que não acreditei quando entrei no site do Globo e vi que isso estava publicado na CAPA de um dos jornais impressos mais importantes do País, no Jornal mais importante e mais influente do Rio de Janeiro.

Eu sou uma pessoa bem humorada, gosto de charges, gosto de charges críticas e até daquelas com pitadas de humor negro mas, na boa, acho que o Chico pesou muito na mão e não posso acreditar que ainda houve um editor que aprovou essa charge para entrar na CAPA do jornal.
Brincar desse modo com essa situação não é humano, não é descente, não é perdoável...
Chico, a charge de amanhã deveria ser um grande pedidos de desculpas (no mínimo)!

Abraços,
Cinthya.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Sinta-se à vontade para comentar!