segunda-feira, julho 23, 2012

Quantas vezes?



Quantas vezes nós pensamos em desistir,
deixar de lado o ideal e os sonhos?

Quantas vezes batemos em retirada
com o coração amargurado pela injustiça?

Quantas vezes sentimos o peso da responsabilidade
sem ter com quem dividir?

Quantas vezes sentimos solidão,
mesmo cercado de pessoas?

Quantas vezes falamos sem ser notados?
Quantas vezes lutamos por uma causa perdida?
Quantas vezes voltamos para casa com a sensação de derrota?
Quanta vezes aquela lágrima teima em cair,
justamente na hora em que precisamos parecer fortes?

Quantas vezes pedimos a Deus
um pouco de força, um pouco de luz?
E a resposta vem, seja lá como for:
um sorriso, um olhar cúmplice,
um cartãozinho, um bilhete, um gesto de amor...

E a gente insiste
em transformar, em dividir, em estar, em ser...
E Deus insiste em nos abençoar, em nos mostrar o caminho:
Aquele mais difícil, mais complicado, mais bonito.

E a gente insiste em seguir, porque tem uma missão...

Beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Sinta-se à vontade para comentar!