terça-feira, agosto 26, 2008

O grande amante

Aos 80 anos de idade, Alberto se casou com Ana de 25 anos.
Devido ao marido tão idoso, ela decidiu que deveriam dormir
em quartos separados.
Terminada a festa do casamento, cada um foi para seu quarto.
Ana se preparava para deitar, quando ouviu batidas fortes na porta.
Ao abrir a porta, ela se deparou com Alberto, com seus 80 anos, pronto para a ação.
Tudo correu bem e após uma relação quente e vigorosa, Alberto despediu-se e foi para seu quarto.
Passados alguns minutos, Ana ouviu novas batidas na porta do quarto.
Era o Alberto, meio cansado, mas novamente pronto para a ação.
Ela se surpreendeu, mas deixou-o entrar.
Terminada a relação, Alberto beijou-a carinhosamente e despediu-se, indo para seu quarto.
Ana se preparava para dormir novamente, quando escutou outras batidas na porta.
Espantada, Ana abriu e se deparou com o Alberto, mais cansado ainda, mas de novo pronto para a ação, ainda que com aspecto abatido mas apaixonado.
Ela disse:
- 'Estou impressionada que você, com sua idade e com seu vigor em repetir a relação sexual com esta freqüência. Já estive com homens com um terço de sua idade e eles se contentavam apenas com uma vez.
Você, Alberto é um grande amante!'
Desconcertado, Alberto perguntou:
- 'Eu já estive aqui antes?'

Moral da história:
O Alzheimer, tem também, as suas vantagens!!!

hahahahahaha, maldade... Mas eu gostei!

Beijos

Um comentário:

Olá! Sinta-se à vontade para comentar!