sexta-feira, maio 22, 2015

Pichações Políticas

Recebi um e-mail com frases de pichações políticas na Argentina. Mas olhem, é só substituir Argentina por Brasil que TODAS as frases cabem MUITO bem, talvez um pouco exageradas, talvez nem tanto...

"Estaremos siempre al lado del gobierno....porque si vamos adelante nos coge y si vamos detrás nos caga."
[Estaremos sempre ao lado do governo... porque se vamos a frente nos fode e se vamos atrás nos caga.]

"En Argentina tenemos los mejores parlamentarios... que el dinero pueda comprar."
[Na Argentina temos os melhores parlamentares...que o dinhiero pode comprar.]

"Basta ya de realidades, queremos promesas!"
[Chega de realidades, queremos promessas!]

[O protesto político não é crime]

"El país estaba al borde del abismo y hemos dado un paso al frente."
[O país estava a beira do precipício y demos um passo a frente.]

"La deuda que tiene el país no es externa, es eterna."
[A dívida que o país tem não é externa, é eterna.]

"Las inundaciones no se producen porque los ríos crecen, sino porque el país se hunde."
[As inundações não acontecem porque os rios sobem, e sim porque o país se afunda.]

"Algunos nacen con suerte, otros en Argentina."
[Alguns nascem com sorte, outros na Argentina.]

"Prohibido robar, el gobierno no admite competencia"
[Proibido roubar, o governo não admite concorrência]

"Las putas al poder, porque con los hijos, no nos fue bien."
[Putas no poder, porque com os filhos delas não nos demos bem]

"Este gobierno es como un bikini, nadie sabe como se sostiene pero todos quieren que se caiga."
[Esse governo é como um biquini, ninguém sabe como se sustenta mas todos querem que caia]

"Argentina  es una granja cerrada por falta de huevos."
[Argentina é uma granja fechada por falta de ovos. // Aqui cabe a explicação que não são ovos de galinha, quando ele diz na frase "falta de huevos", quer dizer falta de garra, de vondade...]

Veja também:
- Protesto contra o reajuste do salário mínimo;
- Você é ético?
- Partido Político FDP;
- Consulta informações sobre políticos brasileiros.

Beijos.

quinta-feira, maio 14, 2015

Criatividade na Índia

Indianos, assim como grande parte dos brasileiros, pelo visto, também sempre tem um jeitinho pra quando falta grana e sobra criatividade.

Aquele piquenique maroto na pista do aeroporto:
Aquele piquenique maroto na pista do aeroporto

Alguém consegue decifrar que veículo é esse?
Alguém consegue decifrar que veículo é esse?

A chuva sobe, a rua inunda mas a novela não pode esperar:
A chuva sobe, a rua inunda mas a novela não pode esperar

Paciência de quem atende ou de quem espera?
Paciência de quem atende ou de quem espera?

Bacia a remo:
Bacia a remo

Isso é que é leite quente:
Isso é que é leite quente

Moto à prova d'água?
Moto à prova d'água?

Como levar o material da obra pra casa DE MOTO:
Como levar o material da obra pra casa DE MOTO

Não sei o que escrever de legenda pra isso. Cabelos na orelha já me dão nervoso, isso aqui então...
Cabelos na orelha

Alguém pode dar uma mãozinha pra essa senhora trocar o pneu de um CAMINHÃO?
senhora trocando o pneu de um CAMINHÃO

Como levar o material da obra pra casa de BICICLETA:
Como levar o material da obra pra casa de BICICLETA

Escavação com criança:
Escavação com criança

Reciclagem, gente, reciclagem! Como fazer uma boia com garrafas pet:
boia com garrafas pet

Esse cadeado prendendo um chinelo no outro é pra ninguém roubar? Ou pra se roubar, roubar logo os dois juntos? Alguém me explicaaaaaa!
cadeado prendendo um chinelo no outro

Transporte público de qualidade: tuk-tuk!
tuk-tuk

Aquela maneira eficaz e bonita de levar as crianças pra passear:
levando as crianças pra passear de modo diferente

A moto leva você e você leva a moto:
A moto leva você e você leva a moto

Acho que o dono do chinelo com cadeado ainda não viu essa inovação de prender os chinelos na bicicleta:
prender os chinelos na bicicleta

Isso sim é um bigode grosso e grande. Aliás, isso não é um bigode, é uma obra de arte:
bigode grosso e grande

Vaca é sagrada e pode ficar onde ela bem entender:
Vaca é sagrada e pode ficar onde ela bem entender

Veja também:

Beijos.

quinta-feira, abril 09, 2015

Partido Político FDP

FDP (Freie Demokratische Partei) é o Partido Democrático Liberal alemão, mas, caso existisse no Brasil, poderia ter quase 100% dos políticos nele! Rsrs!

terça-feira, março 17, 2015

O troco

Um milionário, de passagem por São Paulo, entra no luxuosíssimo restaurante e senta no piano bar.
Chama o Chef, pede uma dose de uísque Royal Salute e reserva uma mesa para jantar.
Após a quarta dose indica ao Chef que irá para a mesa, sendo atendido prontamente.
Sentado, consultando o Menu sem preços, se surpreende quando o Chef, em pé ao seu lado diz:
- Doutor, é política da casa informar aos clientes o valor das contas separadas da mesa, no seu caso a do piano bar: sua despesa foi de R$ 0,60.
- Acho que houve um engano. Eu tomei quatro doses de Royal Salute.
- Com todo o respeito, nós nunca nos enganamos: quatro doses a 0,15 centavos cada dá exatamente 0,60 centavos.
- Tudo bem, não quero discutir, vamos à comida, anote, por favor:
- Como?
- De entrada eu quero caviar da Ucrânia com lentilhas finlandesas; depois Salmão da Escandinávia com recheio de gengibre sul-africano e batatas inglesas douradas em queijo de cabras francesas. Ah! E para beber, um Rotchilld safra 1891.
- Ótima escolha Doutor, mas cabe a mim como chef, alertá-lo que isso ficará um pouco caro.
- Olha amigo primeiro eu não perguntei o preço e, segundo, estou achando que isso aqui é uma casa de malucos, mas já que você quer, fale.
- Pois não Doutor, o seu pedido vai ficar em R$ 18,00.
- Você está querendo me sacanear? Cadê o dono dessa merda?
- Está lá em cima com a minha mulher.
- E o que é que ele está fazendo lá em cima com a sua esposa?
- O mesmo que eu estou fazendo aqui embaixo com o restaurante dele...

Veja também:
- O preço da sinceridade;
- A matemática do casamento;
- Zero antes do número é muito importante!
- Solidariedade masculina;

Beijos.

quinta-feira, março 05, 2015

Resenha de 50 Tons de Cinza - o filme

No domingo passado fui, com uma amiga, ver o filme 50 Tons de Cinza.
O filme tá bastante badalado e resolvi escrever aqui no Leonina, uma resenha meio crítica, meio contando a história... Antes de começar a resenha do filme, preciso dizer que não é uma resenha isenta, e explico o porquê: porque eu li os livros da trilogia toda antes de ver o filme. Já tinha lido há tempos, mas, de qualquer forma, isso impacta em como eu “senti” o filme.
O filme conta o começo da relação entre a jovem-universitária-virgem-proletariada Anastasia Steele e do jovem-empresario-lindo-milionário-solteirão Christian Grey.
Os dois se conhecem quando Anastasia vai entrevistar Christian porque sua colega de quarto, que faria a entrevista, está doente. Christian meio que se encanta por Anastasia e vai atrás dela: a encontra na loja de bricolagem onde ela trabalha, lhe envia presentes, ou seja, se faz ser notado pela garota. Óbvio que Anastasia também se encanta por Christian, mas mal sabe ela que ele tem todo um “gosto peculiar”. Os dois começam a se envolver e Christian pede que Ana assine um contrato de confidencialidade, para manter a relação dos dois segura de eventuais fofocas.
Depois de já estarem um pouco mais envolvidos, Christian apresenta a Ana o “quarto vermelho da dor”, que é o local onde ele pratica as “sessões dominador” com as suas submissas. E aí lhe conta sobre todo o seu “jeitinho dominador” também na vida sexual. Ana se assusta mas ainda assim leva o segundo contrato, o contrato para ser submissa de Christian para avaliar com mais calma. Ela se informa, faz várias exigências mas sai da reunião de acordo sobre o contrato esperando que ele redija uma nova versão, onde constem as suas exigências.
Eles continuam se pegando e ele dando pequenas mostras de como ser “dominador”, mas até então nada dela assinar o contrato. Ela conhece a família de Christian e todos se impressionam, já que ele nunca tinha apresentado uma namorada à família. Até que, um belo dia, Ana se irrita com o modo dominador de Christian e pergunta se eles não podem levar uma vida  de “namorados normais”. Ele explica que tem muitos traumas e que ele tem mais “tons” do que gostaria. Ela perde a paciência e pede a ele para lhe mostrar como seria um “castigo” de verdade. Ele mostra (não vou contar como, pra não estragar a graça) e ela não gosta nada. No dia seguinte, ela vai embora...
E é claro que o filme termina de um modo inesperado, porque ainda virão outros 2 pra fechar a história toda, imagino que essa seja uma das grandes frustrações de quem não leu o livro, o final, digamos, súbito...

Fui ver o filme com as expectativas bem baixas, assumo. Mas ele prende a atenção do expectador, tanto com o modo meio desajeitado de Anastasia, quanto com o jeito controlador de Christian, apesar de achar que os atores principais (Dakota Johnson e Jamie Dornan) não tem muita química um com o outro. Para quem leu o livro, é uma boa oportunidade de ver ali refletida na telona a história que já conhece, para quem não leu os livros, imagino que a experiência de ver o filme seja mais interessante. Quem leu o livro vai, por exemplo, sentir falta de alguns detalhes importantes da história, como as partes da “deusa interior”. No final, o filme é bom, mas se você vai esperando altas cenas de sexo explícito, quase como um “pornô para mulheres”, pode tirar o seu cavalinho da chuva. O filme tem cenas de sexo sim, mas são todas muito bem editadas e insinuadas, muito mais do que propriamente abertas e explícitas. Talvez porque eu tivesse ido com expectativas MUITO baixas, achei o filme até bom, bem editado, com uma trilha sonora linda, mas se eu fosse ser rigorosa e quisesse que a adaptação pro cinema seguisse fielmente o livro, estaria bastante decepcionada.

Agora, se você quer mesmo um bom resumão da história, veja só esse tweet da Ângela Bismarchi:
Veja também:

Beijos.

segunda-feira, março 02, 2015

Cuba x Estados Unidos

[Cuba: "Ditadura" que exporta médicos // Estados Unidos: "democracia" que exporta soldados]

Recebi essa imagem por e-mail, mas achei bem interessante...

Veja também:

Beijos.

sexta-feira, janeiro 23, 2015

Consultório do psiquiatra

No consultório do psiquiatra, o médico entra em sua sala e encontra um homem no chão que se arrasta de quatro com algo na boca.

O Psiquiatra indaga:
- Ah! Olha quem veio aqui hoje? É um gatinho?

O homem rasteja para outro canto. O médico o segue:
- Um cachorro?

O homem rasteja até embaixo da mesa do médico e coloca a mão sobre o computador e vira-se para um buraquinho no chão puxando um fio.

O médico então se senta na sua poltrona e diz:
- Ok. Acho que realmente é um gato. Quer conversar sobre isso?

O cara tira da boca um rolo de fita isolante e diz...

- Olha, doutor, ou o senhor me deixa em paz ou não vou mais instalar essa porcaria de internet aqui!!!


CUIDADO QUANDO FOR NUM PSIQUIATRA!!!!

Veja também:
- Teste psicológico;
- Terapia de casal;
- É sempre bom andar em grupos;
- Decisão, desejo e ação.

Beijos.

quinta-feira, dezembro 11, 2014

Buldogue francês e bebê

Recebi essas imagens por email e não tinha como não compartilhar aqui!
Bebês buldogue francês e bebê humano em cenas fortes de amor e carinho! :-)

Não dá aquela vontade de apertar os 4 de uma vez só!?

♥ Beijinho 

Dormindo são anjinhos, não!?

E acordados sorrindo!? 

Coisinhas mais fofas, modeuzi!!!! 

Baguncinha boa...

Veja também:
Beijos.